Quanto Custa Montar e Abrir um Restaurante, confira os custos

Vai montar um restaurante? Cuidado com o planejamento: apenas três em cem sobrevivem por mais de uma década.

Os dados são da Associação Brasileira de Bares e Restaurantes (ABRASEL – São Paulo): apenas 3% apresentam vida superior a dez anos. Uma informação ainda mais alarmante: no Estado mais rico do país, 35% dos restaurantes fecham as portas no primeiro ano de atividades.

O porte do restaurante influencia bastante nos custos iniciais. Mas, apesar do consumo em restaurantes ter aumentado bastante nos últimos 12 anos, a gestão amadora e a falta de planejamento são os principais motivos para um número tão elevado de falências.

abrir restaurante

Publicidade





Quanto custa abrir um restaurante?

As opções são muitas: para quem não tem muita experiência no setor de gastronomia pode optar por abrir um restaurante self-service. Os custos mensais encarecem qualquer empreendimento. Não basta ter o dinheiro inicial: é preciso pensar na manutenção do imóvel (alugado ou comprado, quase sempre a prazo), no material para alugá-lo e nas despesas fixas (salários, tributos, compras de mantimentos e bebidas, etc.).

Nas basta montar um restaurante e pensar que ele se tornará em um sucesso instantâneo: é preciso planejar as despesas correntes, fazer seguros do imóvel e também sobre lucros cessantes. Também é necessário verificar a eventual sazonalidade da região: uma lanchonete pode ficar às moscas nos períodos de férias escolares.

É preciso pensar na divulgação do restaurante, que inclui desde a distribuição de filipetas em uma esquina próxima, até a construção de um site: em geral, web masters cobram mensalidades para manter a página no ar e sempre atualizada: um cardápio defasado pode afastar muitos clientes.

Um restaurante self-service se baseia na comodidade e proximidade. A avaliação passa pela qualidade dos produtos, serviços. Portanto, um estabelecimento deste tipo precisa ser instalado em um local de grande fluxo de pessoas, preferencialmente junto a um centro comercial. O cliente quase nunca tem muito tempo para fazer as refeições.

O investimento inicial fica entre R$ 60 mil e R$ 100 mil, já com primeiras despesas iniciais incluídas. Em geral, nestes restaurantes, o próprio cliente monta seus pratos, garantindo a desnecessidade da contratação de garçons para o serviço de atendimento no salão.

montar restaurante

Mesmo assim, é interessado em montar um restaurante precisa ter uma reserva financeira para fazer face à despesas pelo menos dos primeiros três meses de vida do novo empreendimento.

Com menos de R$ 350 mil, é possível abrir um restaurante à la carte não muito luxuoso. É preciso ser criativo para garimpar ideias originais para o atendimento e o cardápio, que devem encantar clientes mais exigentes.

É possível juntar esse dinheiro em 20 anos de trabalho, com um plano de investimentos rentável (com juros reais de pelo menos 6% ao ano), com depósitos mensais de cerca de R$ 650. Mas é preciso ser muito persistente e disciplinado.

Um restaurante mais sofisticado, com pratos da cozinha internacional ou de várias partes do país, não sai por menos de R$ 850 mil para ser aberto. Uma solução para os mais arrojados é abrir um pequeno bistrô francês, com poucas mesas, um cenário mais intimista e um salão menor, o que ajuda a resistir os custos.