Quanto Custa um Exame de DNA – Preço do Teste de DNA

Os valores variam bastante. Veja como é e quanto custa o teste de DNA 123.

O exame de DNA 123, que serve para comprovar a paternidade. Ele é realizado em laboratórios de análises clínicas na maioria das cidades médias e grandes brasileiras. Alguns laboratórios oferecem o serviço em casa ou no local de nascimento do bebê, para quem tem dificuldades de locomoção.



O exame de DNA 123 é realizado apenas com o pai e o filho, com a coleta de amostras de sangue ou saliva. O pai presumido precisa levar a identidade, carteira de habilitação, certidão de nascimento da criança, ou, caso esta providência não tenha sido tomada, a declaração de “nascido vivo” do hospital ou maternidade.

Preço do Teste de DNA

teste de dna

Publicidade

Caso o bebê já tenha sido registrado, a presença da mãe durante a coleta é um item obrigatório. O exame de DNA também pode ser realizado para comprovar a maternidade, mas este é um fato bem menos frequente do que a demanda pela certeza de ser pai.

Em quase todos os locais que prestam este serviço, o exame de DNA 123 precisa ser agendado com antecedência.

Um exame de DNA custa entre R$ 400 e R$ 700, parcelados em até seis vezes.

Alguns laboratórios oferecem serviços de urgência, com resultados em 24 horas, três ou sete dias, mediante pagamento de taxa extra.

exame de dna

Como funciona o exame de DNA?

A mãe precisa estar presente, mas não é necessário que ceda amostras. Pai e filho presumido devem oferecer sangue ou saliva, já que a sequência do DNA é sempre a mesma, em todas as nossas células a precisão atinge virtualmente 100%. Não é preciso estar em jejum; as únicas recomendações são: não ingerir nenhum alimento ou bebida, não fumar e não escovar os dentes 30 minutos antes da coleta, se o método escolhido for a saliva.

Os resultados do teste de DNA 123, que ficam prontos geralmente em três semanas, podem ser retirados no laboratório. Diversos laboratórios também enviam os dados do exame por e-mail ou pelos Correios, sem custo adicional.

Alguns hospitais universitários oferecem o teste de DNA 123 gratuitamente. Caso esta opção não esteja disponível, os pais podem procurar a assistência da Defensoria Pública, para requerer sem custo o exame, que, nestes casos, é feito em hospitais conveniados com os tribunais.

Se o teste de paternidade tem este alto potencial de precisão, outros testes de DNA ficam mais distantes; análises de sêmen e tecidos são corretas em 90% dos casos; de cabelo com raiz, 80%; band-aid, unhas e cera de ouvido em 75%; de chicletes, entre 50% e 75%; de bitucas de cigarros, fio dental e palito de dentes, 65%; de copos e garrafas de plástico, 40%.

Os testes de parentesco também apresentam variações: entre irmãos consanguíneos, há 80% de certeza, bem maior do que a encontrada em meio irmãos (entre 40% e 60%). Se mãe fizer o exame juntamente com os filhos, as chances de precisão aumentam consideravelmente.