Quanto Custa Viajar para Paris – Passagem e Passeios

O céu é o limite, mas tudo vale a pena para conhecer a Cidade-Luz. Veja quanto custa viajar para Paris e os preços dos principais pontos turísticos de uma das cidades mais lindas e famosas do mundo.

Paris, na França, é uma das cidades mais visitadas do mundo, perdendo apenas para Bangkok (Tailândia) e Londres (Inglaterra). A cidade, que oferece atrações para todos os gostos e bolsos, recebe mais de 16 milhões de turistas a cada ano.



Quanto Custa Viajar para Paris?

preço para viajar para paris

Uma passagem aérea para Paris, na alta temporada, custa R$ 5.000, nos voos diretos. Na baixa, o preço fica entre R$ 3.200 e R$ 4.000. Dezembro e janeiro, apesar de serem meses de inverno, ficam incluídos na alta temporada: muita gente acha uma graça infinita em passar o réveillon em um congestionamento absurdo em torno do Arco do Triunfo, com temperatura abaixo de 0°C.

Publicidade

É caro se hospedar em Paris?

Depende. Calculamos 9 diárias em Paris, e chegamos aos seguintes valores:

  • Hotéis pequenos e Hostels: R$2.300 a 3.500
  • Apartamentos e Studios: R$3.500 a R$6.000
  • Hotéis 3 estrelas: R$3.700 a R$6.000
  • Hotéis de luxo: R$9.000 a R$60.000

Quer ver os preços? Clique aqui para conferir hotéis em Paris com desconto.

A cidade de Paris, é caro visitar?

Paris, a capital da França, fica na île de France. A cidade se situa em um dos meandros do rio Sena, e é banhada também pelo Marne e o Oise. Ainda no século X, Paris já era beneficiada com palácios reais, abadias suntuosas e a grande catedral.

Com a centralização da nobreza, Paris viu crescer a sua importância na Europa. No século XIV, era a cidade mais importante do Ocidente. Este importante centro cultural testemunhou a queda da monarquia absolutista, participou da “ebulição” de filósofos como Charles Montesquieu e Jean Jacques Rousseau e tornou-se a capital do lazer no século XIX, a belle époque.

viajar para paris

Viajar para Paris: preços de passeios e turismo

Quanto custa ir na Torre Eiffel?

Visitar a Torre Eiffel é um passeio obrigatório na capital francesa. É possível comprar o ingresso antecipadamente, em diversas operadoras de turismo. Este tour em Paris custa, em média, R$ 220. A excursão conta com guia (geralmente em inglês ou espanhol).

A torre, uma treliça de ferro de 300 metros de altura inaugurada em 1889, foi erguida para a Exposição Mundial, com data marcada para a desmontagem: seis meses. Apesar das muitas críticas, ela ainda está de pé e é um dos monumentos mais visitados do mundo, lado da Estátua da Liberdade (EUA), do Coliseu Romano (Itália), da Acrópole (Grécia), da torre do Big Ben (Inglaterra) e do Cristo Redentor (Rio de Janeiro).

O escritor Guy de Maupassant, autor de “Belami” e “O Emparedado” foi um dos detratores da Torre Eiffel. Segundo a lenda, ele dizia almoçar todos os dias no restaurante situado no térreo porque “era o único lugar de Paris onde não se avistava a torre”.

O Moulin Rouge é o show número 1 de Paris. Trata-se de um cabaré com showgirls e dançarinas de cancã. No entanto, os ingressos se esgotam rapidamente – é preciso reservar com antecedência. A entrada, com direito a jantar e champagne, custa a partir de R$ 500.

Um city tour por Paris, com direito a passeio em um bateau mouche pelo rio Sena, custa a partir de R$ 180. No percurso, que dura até quatro horas, é possível avistar pontos turísticos como a Catedral de Notre Dame, o Arco do Triunfo, a Torre Eiffel e o Museu do Louvre. Depois do passeio, é possível decidir quais atrações devem ser conhecidas in loco.

Versalhes já foi a residência de reis franceses, inclusive Luís XIV, o “rei sol”. A França é uma das mais antigas repúblicas presidencialistas da Europa (a partir da Revolução Francesa, em 1789), mas as tradições se mantêm.

Um passeio guiado pelo Palácio e os Jardins de Versalhes custa a partir de R$ 400: são passeios por bosques e lagos, acompanhados pelo som de uma pequena orquestra, fundada no século XVIII. A excursão dura o dia todo.

O Museu do Louvre é um dos mais renomados de todo o mundo. O preço médio da entrada custa em torno de R$ 160. O palácio localiza-se entre Champs Élysées e o rio Sena, no centro de Paris. O museu abriga antiguidades egípcias e do Oriente Médio, arte grega, etrusca e romana, artes decorativas e de artistas renascentistas e modernos. O acervo abrange oito mil anos de história.

Paris tem muitas outras opções de passeios: os bistrôs implantados nas duas margens do Sena, galerias de arte, a Igreja de Sacre Coeur, o Museu D’Orsay e o Montmartre, uma dos bairros mais charmosos de Paris, com ruas estreitas e arborizadas, muitos artistas de rua, cafés e cabarés centenários, frequentados por Toulouse-Lautrec e Pablo Picasso. O metrô da capital francesa, fundado em 1900, tem linhas e mais de 300 estações.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *